Embora todos sejamos manipuladores até certo ponto, os manipuladores se envolvem em comportamentos fixos regularmente. Os manipuladores usam táticas enganosas e dissimuladas, explorando outra pessoa para ter poder, controle e privilégios às custas dos outros.

Eles jogam com suas boas intenções, vulnerabilidades e fraquezas para conseguir o que desejam. Não se surpreenda se um manipulador for alguém em quem você confia ou mesmo ama.

Quando alguém está claramente lhe ofendendo ou machucando e é você quem está se sentindo mal e se desculpando por suas ações erradas, você está sendo manipulado.

Os comportamentos manipulativos são aprendidos, mais frequentemente na infância.

Portanto, infelizmente, é algo que não pode ser desaprendido rapidamente. Por isso, preste atenção a alguns sinais comuns para identificá-los e, uma vez que você fizer isso, tire-os de sua vida imediatamente. Eles são ervas daninhas tóxicas em sua vida.

Saiba reconhecer um manipulador emocional através desses 8 sinais:

1. Eles são especialistas em jogos mentais.

Alguns manipuladores são altamente qualificados e suas táticas são tão sutis que podem controlá-lo por um longo tempo antes que você finalmente descubra o que está acontecendo. Manipuladores habilidosos têm uma maneira de distorcer uma conversa anterior ou reproduzi-la para atender às suas necessidades.

Eles farão algo para magoá-lo e quando você expressar o que sente a respeito, eles vão reverter a situação, fazer você se sentir culpado e acabar justificando suas ações.

 

O seu parceiro diz ou faz coisas que o fazem sentir que você deve estar louco dizendo que você é que está fazendo algo? Obviamente, ele distorce a verdade ou deixa de fora certas informações para fazer você duvidar de sua própria percepção e sanidade.

2. Eles têm os melhores interesses em mente, não os seus.

Eles distorcem seus pensamentos e ações pouco a pouco, até que você os peça orientação em tudo. Eles moldam você em alguém que serve aos seus próprios propósitos.

Infelizmente, você confia neles mais do que em si mesmo.

Seus motivos são quase sempre egoístas e eles têm pouco interesse em como você se sente ou em como o comportamento deles afeta você e sua vida. Eles sempre apontam suas deficiências e mostram que, com a ajuda deles, você pode fazer melhor e se tornar melhor. Dessa forma, eles o convencem de que têm os melhores interesses em mente, mas a verdade é que não.

3. Eles são agressores emocionais e maníacos por controle.

Os manipuladores precisam estar no controle, e o desejo de controle muitas vezes mascara os sentimentos subjacentes de sua própria insegurança. Eles precisam se sentir superiores e poderosos. Eles têm um desejo narcisista profundo de mudar o foco de alguma forma para eles mesmos e procurar você para validá-los.

Os manipuladores afirmam saber como o mundo deveria ser, como você deveria agir e, claro, pelas suas regras. Eles são virtuosos e justos. Eles são santos em suas próprias mentes, então é melhor você concordar.
Eles sabem o que é melhor para você.

 

Basta perguntar a eles e eles lhe darão conselhos e tornarão sua vida miserável se você não fizer o que eles dizem ou os adorar totalmente. Além disso, eles são grandes debatedores, então você nunca ganha.

4. Eles são irresponsáveis e inconsistentes.

Os manipuladores têm dificuldade em aceitar a responsabilidade por seu comportamento e é sempre sobre o que todos os outros fizeram a eles.
Se você os questionar sobre o comportamento deles, eles encontrarão uma maneira de mudar isso para fazer você se sentir mal ou culpado.

Os manipuladores podem dizer sim a um pedido ou fazer um pequeno compromisso com você e, então, quando chega a hora de seguir em frente, eles convenientemente esquecem o que disseram ou negam o fato de que até mesmo prometeram.

5. Eles o culpam por seus comportamentos.

Eles culpam você pelo que disseram, fizeram, não disseram ou não fizeram. Se você apontar como eles acabaram de virar o jogo, provavelmente farão você parecer egoísta e miserável.

Assim, você realmente não pode provar nada, então é sua memória ruim contra as palavras mentirosas deles. Você começa a se questionar e até se sentir mal por tê-los desafiado.

Os manipuladores nunca admitirão suas ações erradas quando isso os colocar em desvantagem. Em vez disso, estão sempre à procura de alguém para culpar, e aqui, infelizmente, é você.

 

Os manipuladores são bons em marcar pontos para que um dia eles o culpem se as coisas não funcionarem para eles. Eles estão dispostos a ajudar, mas isso sempre tem um preço. Eles o lembram de uma vez que o ajudaram e usam isso como uma forma de manipulá-lo para que se sinta como se devesse algo a eles.

6. Eles são lobos em pele de cordeiro.

Eles tentam estabelecer intimidade compartilhando suas informações pessoais profundas que te fazem acreditar que confiam em você e, por sua vez, você confia neles. Você pode inicialmente percebê-los como muito sensíveis, emocionalmente abertos e um pouco vulneráveis.

Você não vai suspeitar que está sendo enganado.

Uma vez que eles são capazes de espelhar suas necessidades e desejos perfeitamente, eles são capazes de criar a persona ou máscara de quem você pensa que eles são, mas é tudo uma ilusão.

Os manipuladores querem ouvir o que você tem a dizer para descobrir seus pontos fortes e fracos. Embora possa parecer interesse genuíno e que eles sejam bons ouvintes, tenha em mente que pode haver uma anotação oculta por trás de todos esses interesses. Eles não hesitarão em usar tudo isso contra você com um arsenal de táticas de manipulação eficazes.

7. Eles não desejam ter uma comunicação autêntica e real.

Mais uma vez, quando você os critica por seu comportamento, é mais do que provável que você obtenha uma reação defensiva e raivosa, em vez de uma comunicação franca e direta.

 

Eles geralmente evitam a comunicação honesta e, em vez disso, usam métodos agressivos passivos. Eles tentam intimidá-lo com uma linguagem agressiva, ameaças sutis ou raiva total, especialmente quando percebem que você se sente desconfortável com o confronto.

Se você tentar ter uma conversa aberta e honesta sobre os momentos em que se sente magoado ou invalidado, será fechado com alegações de que está sendo muito sensível, inseguro ou exagerado. Eles podem fingir ser amáveis e ter a mente aberta para você e, embora possam não machucá-lo diretamente, encontrarão maneiras sutis de miná-lo ou menosprezá-lo.

8. Eles têm medo da vulnerabilidade.

Os manipuladores raramente expressam suas necessidades, desejos ou sentimentos verdadeiros. Eles procuram as vulnerabilidades dos outros a fim de tirar proveito delas para seus próprios benefícios e desviar seus verdadeiros motivos.

Eles não têm capacidade de amar, empatia, culpa, remorso ou consciência. Para eles, a vida é apenas um jogo de tomada de poder e controle e obter o que desejam. Eles vêem a vulnerabilidade como uma fraqueza e permanecer invulnerável é uma ótima maneira de esconder quem eles realmente são.

 

Então, se você não vive de acordo com os chamados padrões deles e eles estão cheios de desprezo por você, é tão fácil para eles simplesmente se levantar e seguir em frente.

Por LifeHack

Traduzido e Adaptado por Equipe Ideias Nutritivas

Imagem de Capa: Alex Yomare no Pixabay /cottonbro no Pexels

OUTRAS LEITURAS



Márcia Lourenço
Sou Nutricionista e pós-graduada em fisiologia, bioquímica e nutrição do esporte. Apaixonada por nutrição e por comida que nutra o corpo e alma, sem terrorismos! O intuito aqui é orientá-los nas melhores escolhas, publicando dicas alimentares, receitas, curiosidades e estilo de vida. Sintam-se bem comendo bem! 🍏

COMENTÁRIOS