A escola deve ser um lugar seguro onde as crianças aprendem e crescem, porém, questões como o bullying acabam dificultando a vida pessoal e psicológica de suas vidas tornando esse momento um pesadelo diário.

Foi por isso que uma mãe de Springfield, Estados Unidos, não hesitou em apoiar seu filho depois que ele bateu em um menino que o incomodava há muito tempo, já que a escola nunca resolveu a situação.

Alison Davis compartilhou no Facebook que seu filho Drew estava sendo intimidado por esse garoto e seu grupo de amigos repetidamente desde o 6º ano. Ele ameaçou bater nele, o seguia pelos corredores, zombou dele, o incomodou nas aulas e através de mensagens e redes sociais.

Então Allison conversou com os professores e a administração, e sem obter a ajuda necessária, enviou um longo e-mail para a escola implorando que fizessem algo porque Drew se recusava a falar sobre isso porque sabia que não faria bem a ele.

A única resposta que obteve foi que os dois meninos assinassem um acordo de não contato, o que irritou a mãe.

“E, como Drew, desisti de tentar fazer com que a escola fizesse qualquer coisa para impedir que esse garoto o intimidasse”, detalhou no Facebook.

Um dia, quando ele estava no ônibus, seu perseguidor veio como de costume para tirar sarro de seu pai, ameaçando ele e seu irmão de 11 anos.

Diante disso, Drew se cansou de não receber ajuda da escola e decidiu que ele mesmo cuidaria do assunto, então para protegê-lo, ELE faria alguma coisa.

“Três socos e seu valentão gritou como um bebê, seus amigos minions calaram a boca, e esta manhã o valentão nem olhou para ele. Problema resolvido”, contou Allison na rede social.

No entanto, a escola não aprovou a atitude de Drew e o suspendeu por 5 dias, o que aborreceu sua mãe, que não hesitou em apoiar seu filho.

“Eu sei que como mãe eu deveria estar brava com ele por recorrer à violência ou ser suspenso, mas eu não estou. Nem um pouco. Durante anos, a escola falhou com Drew. Quando este menino ameaçou constantemente bater em Drew junto com vários de seus amigos, a escola não fez nada”, comentou a mãe em sua publicação onde recebeu apoio para defender quem ama e fazer o que parecia certo neste caso.

Imagem de Capa: Facebook

OUTRAS LEITURAS






Por Márcia Lourenço. Sou Nutricionista e pós-graduada em fisiologia, bioquímica e nutrição do esporte. Apaixonada por nutrição e por comida que nutra o corpo e alma, sem terrorismos! O intuito principal da Ideias Nutritivas é trazer novidades e curiosidades sobre nutrição orientando-os nas melhores escolhas, publicando dicas alimentares, receitas, curiosidades e estilo de vida. Além disso, estou aqui para incentivar pensamentos e atitudes positivas, com conteúdos inspiradores e histórias motivadoras que nutram os seus sentidos! ?